O que faz um Enfermeiro? Conheça as 7 principais funções!

enfermeira

Você já parou para pensar sobre o que faz um enfermeiro? Esse profissional está presente nos estabelecimentos de saúde, como clínicas, hospitais, laboratórios etc. Além disso, ele pode exercer função acadêmica, atuando em pesquisa e docência.

Como ele tem diversas atuações, quem deseja cursar Enfermagem deve estar por dentro dessa profissão. Assim, é possível se decidir se essa é a carreira desejada para a vida! Esse é o seu caso?

Então continue a leitura e entenda o que faz um enfermeiro, descobrindo 7 funções desse profissional!

Vamos lá?

O que é um enfermeiro?

Para começar, vale a pena saber o que é um enfermeiro. Dessa maneira, é mais fácil entender a atuação desse profissional. Na prática, ele é responsável pelos cuidados de saúde de pacientes, como higiene, alimentação, medicamentos, curativos e outros procedimentos.

Desse modo, o enfermeiro atua em uma equipe multidisciplinar, junto aos médicos, nutricionistas, farmacêuticos, fisioterapeutas, psicólogos etc. a fim de promover a saúde das pessoas.

Além disso, ele é responsável por liderar a equipe de enfermagem, que conta com técnicos e auxiliares, realizando o planejamento da assistência de enfermagem. Por falar em planejamento, o enfermeiro também pode realizar a gestão da enfermagem.

Qual é a diferença entre enfermeira, técnica e auxiliar de enfermagem?

Como você viu, o enfermeiro é responsável por liderar a equipe de enfermagem composta por técnicos e auxiliares. Pensando nisso, você sabe qual é a diferença entre esses profissionais? Essa é uma dúvida muito comum em quem ainda não está inteirado sobre o tema.

A principal diferença está no grau de formação de cada profissional, o que reflete na complexidade de atuação. O enfermeiro é o profissional bacharel em Enfermagem, ou seja, ele é formado a nível superior, tendo estudado 5 anos. Com isso, ele tem atuação em casos mais complexos e em cargos de liderança.

Já o técnico concluiu o curso Técnico em Enfermagem, a nível médio, e com duração de 2 anos. Ele pode realizar procedimentos de média a alta complexidade, sempre com supervisão do enfermeiro.

Por fim, o auxiliar estudou um curso profissionalizante de Auxiliar de Enfermagem, com duração de 1 ano a 1 ano e meio. Ele é responsável por cuidados mais básicos e simples, como higiene, administração de medicamentos e curativos.

Para saber mais sobre isso, confira esse vídeo que preparamos, o qual fala sobre as principais funções de um enfermeiro. Não deixe de conferir!

Conheça 7 funções desse profissional

Agora que você já sabe a diferença entre os profissionais de enfermagem, chegou a hora de descobrir o que faz um enfermeiro. A seguir, confira 7 funções desse profissional!

1. Cuida dos pacientes

A primeira função de um enfermeiro são os cuidados com as pessoas. Na prática, o profissional assume a responsabilidade do bem-estar dos pacientes, checando as condições de saúde desses indivíduos.

Assim, o médico orienta qual é o tratamento a ser feito, mas é o enfermeiro quem deve se certificar que todos os procedimentos são realizados conforme as normas. Além disso, o profissional lida diretamente com os familiares, repassando orientações e informações pertinentes.

enfermeira-cuida-idosa
O enfermeiro tem a função de cuidar da saúde e do bem-estar dos pacientes. Fonte: Shutterstock.

2. Desenvolve protocolos de cuidados

Ao contrário do que muita gente imagina, o enfermeiro não segue apenas ordens dos médicos. A verdade é que esse profissional também pode elaborar protocolos de cuidados, sempre considerando o posicionamento médico, é claro.

Com base em evidências científicas, o enfermeiro tem autonomia para criar um cronograma de curativos, higiene do paciente, deambulação etc.

3. Realiza a gestão do setor de enfermagem

Além da mão na massa, ou seja, da prática da enfermagem direta com o paciente, o enfermeiro pode atuar na gestão do setor de enfermagem em um hospital ou clínica, por exemplo, para garantir que os procedimentos operacionais são realizados corretamente.

Assim, ele coordena o time de profissionais, controla o estoque de medicamentos e suprimentos de cuidados, como gazes, esparadrapos etc, certifica que há materiais para o conforto dos pacientes etc.

4. Cuida de gestantes, puérperas e recém-nascidos

Nas maternidades é mais comum que os profissionais de enfermagem sejam do gênero feminino, pois essa proximidade traz mais tranquilidade para as mães. Assim, a enfermeira cuida de gestantes, fazendo a triagem em consultas pré-natais, podendo orientar a paciente, quando o caso não tem complicações.

No parto, ela faz a preparação da mãe e ajuda durante o trabalho de parto, realizando exercícios e acalmando a gestante. Durante o parto, a enfermeira auxilia o médico e logo após o nascimento, ela cuida do recém-nascido e ajuda a mãe na amamentação.

enfermeira-cuida-gravida-
Os enfermeiros têm um papel fundamental no cuidado com as gestantes. Fonte: Shutterstock.

5. Promove a saúde coletiva

A saúde coletiva é uma área de conhecimento que utiliza as Ciências Médicas e Sociais para promover saúde e bem-estar à população. Dessa forma, ela tem como objetivo descobrir as doenças que envolvem a comunidade, e sua prevenção.

Nesse caso, o enfermeiro atua no desenvolvimento de programas de conscientização, prevenção e educação em saúde, podendo trabalhar em hospitais, clínicas e postos de saúde pública.

6. Faz resgates junto aos paramédicos

O enfermeiro pode atuar em conjunto a paramédicos em pronto-socorros de hospitais ou, até mesmo, em ambulâncias de eventos para atendimento a pacientes acidentados ou com doenças agudas, como um infarto ou AVC.

Dessa maneira, essa é uma atuação para quem gosta de adrenalina, pois os casos envolvidos podem apresentar alto grau de dificuldade e complexidade. 

enfermeiro-emergencia
Os paramédicos são essenciais no cuidado de pacientes de urgência e emergência. Fonte: Shutterstosk.

7. Cuida da saúde dos colaboradores

O enfermeiro pode atuar nos cuidados de saúde dos funcionários de uma empresa. Nessa condição, ele trabalha nos primeiros-socorros em casos de acidentes ou indisposição dos colaboradores.

O enfermeiro do trabalho também desenvolve a conscientização da saúde e da prevenção de doenças laborais.

Saiba como ser enfermeiro!

Como você aprendeu que para ser enfermeiro é necessário cursar o bacharelado em Enfermagem. Assim, é possível ter um campo de atuação mais amplo e com maiores possibilidades de ganhos. Afinal, a profissão de nível superior tende a ter mais oportunidades de melhores salários.

Por se tratar de uma profissão tão importante, já que o enfermeiro é responsável direto pelos cuidados de saúde dos pacientes, é necessário se formar em uma boa instituição educacional. Desse modo, você garante a melhor formação para atender os pacientes. 

Pensando nisso, você sabia que a Anhanguera tem um Hub exclusivo para os cursos de saúde? Nesse espaço, você pode conhecer as opções, tirar dúvidas, ver se a mensalidade cabe no seu bolso e muito mais!

Neste artigo, você descobriu o que faz um enfermeiro ao entender 7 funções desse profissional. Se os seus olhos brilharam ao saber mais sobre a profissão, faça sua inscrição na graduação de Enfermagem da Faculdade Anhanguera!

Perguntas Frequentes

Qual é o salário de um enfermeiro?

Uma das maiores dúvidas de quem deseja fazer Enfermagem é qual o salário de um enfermeiro. Afinal, a remuneração também é um ponto a considerar ao escolher uma profissão.

Nesse sentido, vale saber que, em 2022, a média salarial girava em torno de R$ 3.500 para uma carga horária de 40 horas semanais.

Qual o papel do enfermeiro em um hospital?

O enfermeiro pode desempenhar diversos papéis em um hospital. Contudo, é possível dizer que ele é responsável pelos cuidados aos pacientes, administrando medicamentos e acompanhando a evolução.

Além disso, o profissional pode atuar em casos mais críticos, auxiliando o médico em alguns procedimentos complexos.

Quanto tempo dura o curso de Enfermagem?

Outra dúvida popular entre as pessoas que desejam estudar Enfermagem é a duração do curso. Isso porque existem cursos da área da saúde que variam entre 4 a 5 anos de estudos.

No caso do bacharelado em Enfermagem, o curso tem duração de 5 anos. Além disso, o estágio e o Trabalho de Conclusão de Curso são obrigatórios.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima