O que faz um Farmacêutico Esteticista? Veja 6 funções desse carreira em alta!

farmaceutico

Se você tem interesse em fazer o curso de Farmácia, é importante saber que as oportunidades de atuação vão além do trabalho em hospitais, estabelecimentos comerciais e laboratórios. Um campo que está bastante em alta é o de Farmácia Estética.

Com o avanço nos cuidados com a aparência e a beleza, os profissionais encontram excelentes oportunidades. Mas você sabe o que faz um farmacêutico esteticista em sua rotina de trabalho?

Neste post, vamos apresentar as principais funções desempenhadas por esse profissional. Acompanhe a leitura!

1. Utiliza recursos estéticos manuais

Os recursos estéticos manuais são procedimentos que o farmacêutico esteticista realiza sem o auxílio de aparelhos. Os principais são:

  • massagem modeladora: é uma massagem que utiliza movimentos vigorosos para reduzir gordura;
  • massagens terapêuticas: com diferentes técnicas, elas ajudam tanto no relaxamento e bem-estar quanto colabora para a recuperação de problemas de saúde, traumas e ferimentos;
  • drenagem linfática manual: com movimentos específicos, esse tipo de drenagem linfática serve para abrir os vasos linfáticos e permitir que o excesso de fluido drene de volta para os nódulos linfáticos, o que ajuda a diminuir o inchaço do corpo.

2. Define diversos tipos de procedimentos e estratégias

Antes da realização de qualquer procedimento, o farmacêutico esteticista precisa fazer uma avaliação física do paciente para identificar as possíveis disfunções estéticas corporais, faciais, capilares e outras partes cutâneas.

esteticista
Esse profissional define diversos tipos de procedimentos e estratégias. Fonte: Shutterstock.

Também é necessário realizar uma avaliação global da pessoa, a fim de verificar a sua condição de saúde e possíveis sensibilidades à técnica de tratamento escolhida. Além disso, é de sua responsabilidade acompanhar os efeitos dos procedimentos e a evolução estética do paciente.

3. Realiza procedimentos com aparelhos

O uso de aparelhos na estética é permitido pelo Conselho Federal de Farmácia (CFF). Logo, o farmacêutico esteticista pode se especializar nos seguintes procedimentos mecânicos:

  • sonoforese (ultrassom estético): tratamento usado para reduzir gordura localizada. O ultrassom ajuda na absorção de substâncias aplicadas na pele;
  • radiofrequência estética: aplicação de radiação eletromagnética que aumenta a temperatura e estimula a pele a produzir colágeno e fibras. Essa técnica auxilia no rejuvenescimento;
  • luz intensa pulsada: utiliza lâmpadas que emitem calor e radiação luminosa para o tratamento de manchas por efeito do sol, doenças do couro cabeludo, tratamento vascular e rejuvenescimento;
  • laserterapia: consiste na radiação por laser em regiões da pele para remover manchas, flacidez e lesões vasculares;
  • eletroterapia: consiste no uso de corrente elétrica para diminuir o inchaço, tratar a flacidez, sinais do envelhecimento, bloquear o crescimento de pelos e facilitar a absorção de medicamentos;
  • criolipólise: é uma técnica de redução de gordura, por meio do resfriamento da área em até -10°C. Como as células de gordura são sensíveis a baixas temperaturas, as moléculas são destruídas;
  • carboxiterapia: técnica usada no tratamento de celulite, circulação, olheiras e estrias. Ela consiste na aplicação de gás carbônico com a ajuda de agulhas conectadas a um aparelho.

4. Desenvolve fórmulas

Uma atuação importante do farmacêutico esteticista é desenvolver fórmulas relacionadas a nutracêuticos e cosméticos. Também é possível participar do lançamento de novos produtos, testar cosméticos já existentes e aprimorar outros, com foco em garantir a estabilidade e a eficiência do composto.

5. Realiza técnicas com o uso de agulhas

O farmacêutico esteticista também é apto para utilizar agulhas em suas técnicas de tratamento. As principais são:

  • toxina botulínica (botox): A toxina é produzida por uma bactéria específica que bloqueia temporariamente os sinais que fazem os músculos se contraírem. A sua aplicação mais comum é para relaxar a musculatura facial que causa rugas na testa e nos olhos;
  • preenchimentos dérmicos: é a técnica usada para aplicar substâncias para diminuir rugas e sulcos na pele. A mais usada é o ácido hialurônico — presente em nosso organismo, mas que diminui com a idade. A dose previne a formação de rugas e a falta de elasticidade da pele;
  • mesoterapia: nesse procedimento, diversas injeções superfinas de minerais, vitaminas e coquetéis de aminoácidos são administradas para rejuvenescer, nutrir e desenvolver a elasticidade natural da pele;
  • microagulhamento estético: é uma terapia de indução de colágeno. Uma caneta ou rolo de microagulhamento é o principal dispositivo usado para a terapia de indução de colágeno.
procedimento
O Farmacêutico Esteticista realiza técnicas com o uso de agulhas. Fonte: Shutterstock.

6. Realiza peelings químicos e mecânicos

O peeling é responsável por provocar a renovação celular e melhorar as condições da pele. O farmacêutico esteticista pode realizar tanto o peeling mecânico quanto o químico e, em ambos os casos, é provocada uma lesão na pele.

Agora é com você!

E aí, gostou de saber o que faz um farmacêutico esteticista e deseja atuar nesse ramo? Então saiba que o primeiro passo é fazer o curso de Farmácia em uma faculdade renomada.

Na Anhanguera, a graduação pode ser cursada nas modalidades presencial e semipresencial, e você tem toda a flexibilidade para escolher a melhor opção. Ademais, temos professores mestres e doutores experientes, além de laboratórios completos e de ponta.Não perca mais tempo e estude em uma boa instituição de ensino. Inscreva-se no vestibular de Farmácia da Anhanguera e saia na frente!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima